A GESTÃO PÚBLICA E A MOBILIDADE URBANA

Fala-se, atualmente, com certo entusiasmo, como um dos pontos centrais da Gestão Pública, sobre a questão da Mobilidade Urbana. Na verdade, este é um segmento de alta relevância social, contudo tem sido pouco acionado pelos gestores que  quase sempre  trabalhada de forma perfunctória, isto é, há mais ações midiáticas  do que atitudes na direção resolutiva.

Existem, é claro, algumas pequenas ilhas voltadas para este fim, todavia são ações isoladas e tímidas cujo resultado  ainda não anima sociedade que exige cidades com plena acessibilidade.

Por outro lado, o caminho percorrido pela gestão pública rumo à Mobilidade Urbana se converge para abertura de ruas, avenidas, alargamento de vias, construção de perimetrais e binários, mas se tudo isso não fosse marcado por um processo tão vagaroso, teria hoje um resultado quase satisfatório.

Compreende-se, pois, que há uma efetiva preocupação da gestão Pública em viabilizar um Trabalho capaz de realizar um processo de Mobilidade Urbana, porém será, ao nosso ver, uma necessidade imperiosa, que  este processo contemple  também  acessibilidade por meio de calçadas humanizadas. As nossas calçadas nos assustam, são verdadeiros impedimentos para os pedestres, são reais quebra-pernas, quebra-pés,  e por serem sempre inclinadas servem realmente para facilitar a subida dos veículos,  sendo-as grande mal para o corpo inteiro.

As calçadas das nossas cidades servem apenas para os carros, como estacionamento, e acessos veiculares , mas nunca  se prestam para a passagem de pedestres que seria a sua finalidade essencial. Nessas calçadas, como andam nossos idosos, as pessoas com deficiência e os cadeirantes?

As cidades brasileiras precisam otimizar a mobilidade de veículos, mas que esta se amplie, com urgência, como resultado de um trabalho de fôlego,permanente e efetivo na  área de Mobilidade Urbana, porém dentro de uma  visão transcendente,  no sentido de se fazer na realidade, uma  Mobilidade Humana numa perspectiva inovadora e sistêmica.

Erasmo Pereira de Lima

Sobre o Autor

Graduado em Letras/UFPB, Especialista em Gestão de Pessoas/UPE e em Gestão da Qualidade pela fundação Christiano Ottoni/UFMG.

Comments

  1. Parabens Erasmo pela excelente matéria que contribui para a melhoria da mobilidade urbana e que deve ser aproveitada e implementada pelos governantes públicos.
    Forte abraço
    Arimatea.

  2. Realmente existem esforços voltados para abertura e avenidas e outras vias de acessibilidade urbana, mas dr fato precisa-se urbanizar de forma humanizada assim como você tão bem ressaltou em seu texto. Que as autoridades possam se voltar para essa questão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese