A Decisão, como resultado do comprometimento em todas as partes da ação decisória, na construção da Gestão Eficaz.

“Uma decisão só se torna eficaz, quando os comprometimentos com a ação são incluídos na decisão desde o início.” ( Peter Drucker )

As empresas de quaisquer que sejam os segmentos conectados ao Mundo dos Negócios, sem exceção, ou, até mesmo os profissionais liberais e os freelancers, no exercício de suas atividades, todos almejam conquistar stackeholders satisfeitos. operações rentáveis e perpetuidade, ou, mais precisamente, realizar uma gestão de negócios que se traduza, peremptoriamente, em resultados esperados.

Colocar-se em movimento, nessa direção, ao porvir escolhido, é imprescindível pavimentar esse caminho, com três camadas de sustentação: VONTADE, CONHECIMENTO E DISCIPLINA, sem as quais todas as ações decisórias são inócuas, porque a ausência dessas camadas na ação decisiva, também, deixa de fora o COMPROMETIMENTO com a própria ação o que jamais poderá ocorrer. É válido ressaltar que as camadas aqui delineadas, estruturadas e sincronizadas, formam a Mandala de uma gestão potencialmente orientada para os resultados, como mostra o gráfico que segue:

Na verdade, é indispensável que se conceitue as camadas de sustentação, visando demonstrar a força contributiva de cada uma para a construção do COMPROMETIMENTO, vetor relevante da ação decisória, e capaz de consolidar a completude da gestão.

De início, pode-se evidenciar a VONTADE para AGIR, como uma adesão interior, que arrasta a determinação e a persistência , poderoso arsenal na arquitetura de uma gestão valiosa e produtiva. Depois, assinala-se que nada será realizado com PRIMOR se não for desenlace do CONHECIMENTO, este robustece a Vontade, municia as pessoas, equipes e processos de métodos, informações e tecnologia e outros recursos necessários para efetivação das atitudes decisórias constituintes da gestão. Por fim, salienta-se em importância, a DISCIPLINA, mas a disciplina numa conceituação ampla, expressa na capacidade de as pessoas e equipes envolvidas nas atividades da gestão, manterem o FOCO estabelecido em todo processamento, contudo sem perder de vista a motivação, sobretudo, o entusiasmo.

Nessa perspectiva, tudo devidamente alinhado e centrado na gestão dos negócios, possibilita, sem dúvida, a edificação do COMPROMETIMENTO, aquele que não só empodera as pessoas e as equipes, mas também fortalece o processo, formando, no dizer de IZZO ROCHA , junto à Gestão, “a receita infalível do sucesso” — A Gestão Eficaz.

Erasmo Pereira de Lima

Sobre o Autor

Graduado em Letras/UFPB, Especialista em Gestão de Pessoas/UPE e em Gestão da Qualidade pela fundação Christiano Ottoni/UFMG.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese